NOTAS PRELIMINARES SOBRE CONSERVAÇÃO DE FORRAGENS EM SILOS DO TIPO TRINCHEIRA

  • Anatoly Kravchenko EAV-UFG
  • Aécio Leoni Teixeira EAV-UFG
Palavras-chave: Silo, forragem, Sorgum, Penisetum

Resumo

Este trabalho tem como objetivo avaliar a qualidade da silagem - Napier (60%), sorgo (30%) e cana (10%) - conservada em silos tipo trincheira. Os silos foram construídos com paredes de tijolos nas laterais e no fundo, sem impermeabilização ou revestimento. O piso ficou em contato direto com o solo. A forragem foi distribuída em camadas de 25 cm e comprimida com trator de pneu. As perdas maiores, decorrentes das fermentações acética e butírica, prejudiciais ao rebanho, ocorreram junto às paredes, por falta de compactação e pelo contato direto da forragem com o solo. A má cobertura também favoreceu a penetração de água e os agentes formadores de ácido butírico. Concluiu-se que a impermeabilização é o fator principal para uma fermentação e conservação desejável da silagem.

PALAVRAS-CHAVE: Silo; forragem; Sorgum; Penisetum.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
11-09-2007
Como Citar
KRAVCHENKO, A.; TEIXEIRA, A. NOTAS PRELIMINARES SOBRE CONSERVAÇÃO DE FORRAGENS EM SILOS DO TIPO TRINCHEIRA. Pesquisa Agropecuária Tropical (Agricultural Research in the Tropics), v. 1, n. 1, p. 46-50, 11 set. 2007.
Seção
Artigo Científico