Verdade em música sobre o pensamento de Martin Heidegger

Autores

  • Marcos Antonio Cardoso Sobral e Danielle de Gois Santos

DOI:

https://doi.org/10.5216/mh.v15i2.39769

Resumo

O presente estudo versa sobre a verdade, conforme abordada pelo filósofo Martin Heidegger, e observada em contexto de ensino em música. O trabalho destaca os diversos modos de observância da verdade. Para observação desses modos, recorremos a escritos que abordam o assunto, em especial os de Heidegger, que pautou boa parte de sua filosofia no privilégio às experiências cotidianas, as quais nos interessam nesta oportunidade. Também se fez mister a análise ao seu exímio ensaio sobre as obras de arte, devido à estas serem um modo específico de atuação do ser e, consequentemente, desveladora de seu mundo portador da verdade. O foco do trabalho incide no ensino instrumental, onde observamos maior proximidade quanto ao pensamento heideggeriano. A hipótese levantada quer, a todo instante, que nos remetamos à verdade como um modo ideal de tratamento. As considerações alcançadas concernem à verdade como princípio pertinente ao ato docente alusente às suas possibilidades infindas. Palavras-chave: Verdade; Obras de arte; Docência; Heidegger.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

15-02-2016

Como Citar

Antonio Cardoso Sobral e Danielle de Gois Santos, M. (2016). Verdade em música sobre o pensamento de Martin Heidegger. Revista Música Hodie, 15(2). https://doi.org/10.5216/mh.v15i2.39769

Edição

Seção

Artigos