Trombetas, Clarins, Pistões e Cornetas no Século XIX e as Fontes para a História dos Instrumentos de Sopro no Brasil

  • Fernando Binder e Paulo Castagna

Resumo

Nosso estudo parte de um problema bastante comum em estudos e edições de música brasileira feitas com fontes do século XIX, que consideram pistom e trompete o mesmo instrumento. No entanto, o estudo organológico demonstra que o instrumento descrito naquelas fontes como pistom não pode ser automaticamente descrito de trompete, como hoje é hábito. Mostraremos que a origem deste problema está ligada à importação de instrumentos musicais da Europa, para tanto utilizaremos as seguintes fontes: pautas da alfândega imperial, iconografia musical, catálogos comerciais de lojas de instrumentos musicais, dicionários antigos, além de manuscritos musicais.
Palavras-chaves: pistom; trompete; comércio de instrumentos; repertório do Séc. XIX; Brasil.
Abstract: Our study addresses a common problem found in publications and editions of Brazilian music stemming from 19th Century sources, which frequently consider the cornet and the trumpet to be the exact same instrument. However, research in organology reveals that the cornet should not be so readily exchanged for the trumpet in these sources, and is the custom nowadays. We will show that this problem originates in the importation of musical instruments from Europe, using the following resources: importation lists from the Imperial customs; musical iconography; commercial catalogues from musical instrument stores; old dictionaries and musical manuscripts.
Keywords: cornet; trumpet; musical instruments; 19th century repertoire; Brazil.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
06-02-2008
Como Citar
Paulo Castagna, F. B. e. (2008). Trombetas, Clarins, Pistões e Cornetas no Século XIX e as Fontes para a História dos Instrumentos de Sopro no Brasil. Revista Música Hodie, 5(1). https://doi.org/10.5216/mh.v5i1.2651
Seção
Artigos