CIÊNCIA NAS LICENCIATURAS?

Autores

  • Wagner Rodrigues SILVA Universidade Federal do Tocantins
  • Mayron Rodrigues CORDEIRO Universidade Federal do Tocantins
  • Bárbara de Freitas FARAH Universidade Federal do Tocantins
  • Carlos Wiennery da Rocha MORAES Universidade Federal do Tocantins
  • Dijan Leal de SOUSA Universidade Federal do Tocantins
  • Leide Lene Santos SILVA Universidade Federal do Tocantins
  • Victor C. B. B. MENDES Universidade Federal do Tocantins

DOI:

https://doi.org/10.5216/lep.v22i1.54461

Resumo

Investigamos como professores em formação inicial compreendem ciência e algumas práticas dela decorrentes, e se eles relacionam o conhecimento científico explicitado ao próprio curso de licenciatura a que estão vinculados. Os resultados foram obtidos a partir da análise qualitativa de dados gerados em entrevistas com professores em formação inicial em diferentes licenciaturas. Assumimos a abordagem indisciplinar da Linguística Aplicada, considerando como principais referenciais teóricos estudos do letramento científico situados em diferentes disciplinas ou campos do conhecimento. Os conhecimentos de ciência, compartilhados pelos colaboradores da pesquisa, estão atrelados mais diretamente às ciências naturais; as ciências humanas são reduzidas a um pequeno número de disciplinas e os estudos da linguagem são ignorados. Esta pesquisa contribui para recontextualizar os estudos do letramento científico na Linguística Aplicada. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Wagner Rodrigues SILVA, Universidade Federal do Tocantins

Doutor em Linguística Aplicada; Docente da Universidade Federal do Tocantins (UFT) e Bolsista Produtividade do CNPq.

Mayron Rodrigues CORDEIRO, Universidade Federal do Tocantins

Mestrando em Letras, pela Universidade Federal do Tocantins (UFT); professor na Maple Bear Palmas, Centro de Ensino Integrado das Américas (CEIA).

Bárbara de Freitas FARAH, Universidade Federal do Tocantins

Doutoranda em Letras: Ensino de Língua e Literatura, pela Universidade Federal do Tocantins (UFT), e Bolsista de Doutorado CAPES.

Carlos Wiennery da Rocha MORAES, Universidade Federal do Tocantins

Doutorando em Letras - Ensino de Língua e Literatura, pela Universidade Federal do Tocantins (UFT).

Dijan Leal de SOUSA, Universidade Federal do Tocantins

Doutoranda em Letras - Ensino de Língua e Literatura, pela Universidade Federal do Tocantins (UFT), e docente da Universidade Federal do Maranhão (UFMA).

Leide Lene Santos SILVA, Universidade Federal do Tocantins

Mestranda em Letras, na Universidade Federal do Tocantins (UFT), e docente no Instituto Federal do Tocantins (IFTO).

Victor C. B. B. MENDES, Universidade Federal do Tocantins

Mestrando em Letras, na Universidade Federal do Tocantins (UFT).

Downloads

Publicado

16-08-2018

Como Citar

SILVA, W. R., CORDEIRO, M. R., FARAH, B. de F., MORAES, C. W. da R., SOUSA, D. L. de, SILVA, L. L. S., & MENDES, V. C. B. B. (2018). CIÊNCIA NAS LICENCIATURAS?. Linguagem: Estudos E Pesquisas, 22(1). https://doi.org/10.5216/lep.v22i1.54461

Edição

Seção

Dossiê temático Estudos em Linguística Aplicada com foco na formação de professores: conexões e abrangências