HISTÓRIA DA MEDICINA A VARÍOLA NO BRASIL COLONIAL (Séculos XVI e XVII)

Autores

  • Cristina Brandt Friedrich Martin Gurgel
  • Camila Andrade Pereira da Rosa

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpt.v41i4.21701

Palavras-chave:

História da Medicina, Varíola, Indígenas, Brasil Colonial.

Resumo

Parte inseparável e tenaz da vida animal, as doenças infecciosas acompanharam e moldaram ahistória do homem na terra, sobretudo quando começou a viver em aglomerados. No Novo Mundo,com a chegada dos europeus, manifestaram-se como a “guerra biológica da conquista”. Atingindouma população indígena imunologicamente incapaz de combatê-las, a gripe, o sarampo e a varíolaselaram o destino de milhões. Neste estudo, objetivamos relatar a catástrofe que representou avaríola para o Brasil, visto que matou de 30% a 50% de suas vítimas indígenas, desestruturou toda asociedade nativa, causou danos imensos à economia colonial e fomentou o tráfico negreiro.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Como Citar

Gurgel, C. B. F. M., & Rosa, C. A. P. da. (2012). HISTÓRIA DA MEDICINA A VARÍOLA NO BRASIL COLONIAL (Séculos XVI e XVII). Revista De Patologia Tropical / Journal of Tropical Pathology, 41(4). https://doi.org/10.5216/rpt.v41i4.21701

Edição

Seção

ATUALIZAÇÃO / UP TO DATE