APONTAMENTOS SOBRE O ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES: A IMPORTÂNCIA DE UM ENTUSIASMO CRÍTICO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/ia.v44i3.56880

Resumo

O objetivo do presente texto é apresentar uma reflexão sobre o estágio supervisionado na formação inicial de professores, com a finalidade de explicitar que tal momento, no processo formativo de novos professores, contribui para que eles legitimem um entusiasmo crítico frente a sua prática de ensino, no âmbito da prática pedagógica. Trata-se de um texto de cunho teórico-bibliográfico, que buscou realizar uma análise crítica perante tal objeto de pesquisa. Como síntese, pode-se destacar que para engendrar um entusiasmo crítico no novo professor é necessário que ele possa, por meio da sua imersão na esfera escolar, estabelecer uma consciência crítico-pedagógica sobre a realidade escolar e, por meio de uma ciência da e para a educação, possa estabelecer ações pedagógicas que contribuirão tanto para a sua formação quanto para a dos alunos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Matheus Bernardo Silva, Universidade do Sul de Santa Catarina

Pós-Doutorando em Educação pela UNISUL. Doutor em Educação pela UNICAMP. Mestre em Educação pela UFPR. Licienciado em Educação Física pela UNESC.

Downloads

Publicado

01-01-2020

Como Citar

Bernardo Silva, M. (2020). APONTAMENTOS SOBRE O ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES: A IMPORTÂNCIA DE UM ENTUSIASMO CRÍTICO. Revista Inter Ação, 44(3), 609–622. https://doi.org/10.5216/ia.v44i3.56880