POLÍTICAS DE EXPANSÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR NO BRASIL PÓS-LDB/96 – DESAFIOS PARA A AVALIAÇÃO

  • Maria das Graças Medeiros Tavares Universidade Federal de Alagoas e da UFRJ
  • Stela Maria Meneghel FURB e da Univ. da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
  • Fabiane Robl Universidade de São Paulo
  • Gladys Beatriz Barreyro Universidade de São Paulo
  • José Carlos Rothen Universidade de São Carlos
  • José Vieira de Sousa Universidade de Brasília

Resumo

O presente trabalho contém parte dos resultados da pesquisa interinstitucional intitulada Políticas de Avaliação e Expansão da Educação Superior no Brasil pós-LDB/1996 que vem sendo desenvolvida por pesquisadores vinculados ao Grupo de Trabalho de Políticas de Educação Superior da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Educação GT 11 da ANPEd. A pesquisa faz parte do Projeto Integrado UNIVERSITAS/Br que objetiva investigar de maneira mais abrangente o fenômeno da expansão e avaliação da Educação Superior no Brasil pós 1996. A análise desenvolvida caracteriza o cenário global e local onde foram elaboradas as políticas de expansão da Educação Superior e as concepções de avaliação, nos governos de Fernando Henrique Cardoso (FHC) – 1995-2002 – e de Luiz Inácio Lula da Silva – 2003-2010. Conclui que o grande desafio que se coloca na atualidade é como assegurar um processo de avaliação permanente que garanta a associação do aumento de vagas no ensino superior à exigência de qualidade do ensino.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
23-09-2011
Como Citar
Tavares, M. das G., Meneghel, S. M., Robl, F., Barreyro, G. B., Rothen, J. C., & Sousa, J. (2011). POLÍTICAS DE EXPANSÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR NO BRASIL PÓS-LDB/96 – DESAFIOS PARA A AVALIAÇÃO. Revista Inter Ação, 36(1), 81-100. https://doi.org/10.5216/ia.v36i1.15029