Efeitos de sentido da nominalização “privatização” no discurso da imprensa

  • Fernando Felício Pachi Filho

Resumo

No anos 90, altera-se o modelo de desenvolvimento brasileiro: o Estado retirase de atividades econômicas, e a palavra “privatização” assume essa carga histórica. Neste trabalho, analisamos a tensão entre o histórico e o linguístico, que se estabelece com a nominalização no discurso da imprensa sobre a privatização das telecomunicações. A primeira consequência é a acentuação nas relações privadas. Além disso, a nominalização gera efeito distinto de construções com “privatizar”. “Privatização” é, assim, um processo que “independeria” de agentes.

PALAVRAS-CHAVE: privatização, nominalização, análise do discurso, memória.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
27-04-2009
Como Citar
Filho, F. F. P. (2009). Efeitos de sentido da nominalização “privatização” no discurso da imprensa. Signótica, 20(2), 309-333. https://doi.org/10.5216/sig.v20i2.6083
Seção
Artigo