OBSERVAÇÕES MORFOLÓGICAS E HISTOQUÍMICAS SOBRE AS GLÂNDULAS SALIVARES DO JACARÉ Caiman latirostris (Crocodilia Reptilia)

Autores

  • Antônio Sílvio Rabelo UFG
  • Renato Antônio da Costa UFG
  • Gilson Herbert de Faria UFG

Resumo

Empregando-se métodos histológicos e histoquímicos para glicoconjugados, desenvolveu-se um trabalho sobre glândulas salivares do jacaré Caiman latirostris. Com base nos resultados obtidos, constatou-se que estas glândulas são pouco desenvolvidas, aparecendo como estruturas unicelulares, semelhantes às células caliciformes, incluídas no epitélio estratificado pavimentoso da cavidade oral. Observou-se, ainda, a presença de esparsos alvéolos glandulares desprovidos de ductos excretores que continuam diretamente com o epitélio. Por meio de métodos histoquímicos para glicoconjugados, foi possível a detecção de glicoproteína e de ácido siálico nas formações glandulares desses animais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

04-12-2007

Como Citar

RABELO, A. S.; COSTA, R. A. da; FARIA, G. H. de. OBSERVAÇÕES MORFOLÓGICAS E HISTOQUÍMICAS SOBRE AS GLÂNDULAS SALIVARES DO JACARÉ Caiman latirostris (Crocodilia Reptilia). Pesquisa Agropecuária Tropical, [S. l.], v. 21, n. 1, p. 27–33, 2007. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/pat/article/view/2600. Acesso em: 27 out. 2021.

Edição

Seção

Artigo Científico