QUALIDADE DE ÓLEO DE CULTIVARES DE CANOLA EM RESPOSTA AO ESTRESSE HÍDRICO E APLICAÇÃO DE POLÍMERO HIDROABSORVENTE

Autores

  • Hamid Reza Tohidi Moghadam
  • Hossein Zahedi
  • Farshad Ghooshchi

Palavras-chave:

Brassica napus L., hidrogel, ácidos graxos, glucosinolato.

Resumo

O estresse hídrico limita significativamente o crescimento de plantas e a produtividade da cultura. Por isto, o manejo eficiente da umidade no solo e o estudo de alterações metabólicas que ocorrem em decorrência do estresse hídrico são importantes para a agricultura. O presente estudo objetivou avaliar o efeito de seis genótipos de canola (Rgs003, Sarigol, Option500, Hyola401, Hyola330 e Hyola420), cultivados com e sem estresse hídrico e com e sem a presença de polímero hidroabsorvente, na qualidade e teor do óleo extraído de suas sementes. Utilizou-se delineamento em blocos casualizados, com parcelas subdivididas, em esquema fatorial 2x2x6 (estresse hídrico x polímero x genótipos), com três repetições. A pesquisa foi desenvolvida em área pertencente ao Seed and Plant Improvement Institute, em Karaj, Irã. Observou-se efeito significativo para os níveis de estresse hídrico, presença de polímero e genótipos, no teor e composição do óleo e no teor de glucosinolato. O estresse hídrico reduziu os teores de óleo e ácido linoleico, mas aumentou o teor de glucosinolato e de ácido esteárico. A aplicação do polímero hidroabsorvente aumentou o teor de ácido linoleico, mas diminuiu outros componentes. Foi possível concluir que, sob estresse hídrico, a aplicação de polímero hidroabsorvente, em razão de sua maior retenção de água, aumentou a capacidade de armazenamento desta no solo, o que contribuiu para um aumento no período vegetativo da planta, favorecendo a qualidade do óleo, por diminuir o teor de ácidos graxos saturados e aumentar o de insaturados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

19-12-2011

Como Citar

MOGHADAM, H. R. T.; ZAHEDI, H.; GHOOSHCHI, F. QUALIDADE DE ÓLEO DE CULTIVARES DE CANOLA EM RESPOSTA AO ESTRESSE HÍDRICO E APLICAÇÃO DE POLÍMERO HIDROABSORVENTE. Pesquisa Agropecuária Tropical, [S. l.], v. 41, n. 4, p. 579–586, 2011. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/pat/article/view/13366. Acesso em: 27 out. 2021.

Edição

Seção

Engenharia de Biossistemas