Validação de cenários simulados para estudantes de enfermagem: avaliação e tratamento de Lesão por Pressão

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v23.67489

Palavras-chave:

Simulação, Lesão por Pressão, Estudantes de Enfermagem, Educação em Enfermagem, Avaliação em Enfermagem

Resumo

Objetivo: validar cenários simulados para ensino e aprendizagem de estudantes de enfermagem sobre avaliação e tratamento de Lesão por Pressão. Método: estudo metodológico, com cenários construídos por meio do referencial de Fabri e normas de práticas recomendadas da International Nursing Association for Clinical Simulation and Learning. A seleção dos juízes seguiu os critérios de Fehring e snowball technique, a coleta de dados ocorreu em duas etapas conforme Delphi. A análise dos resultados considerou o nível de concordância 0,80. Resultados: dois cenários foram validados resultando o Scale-Level Content Validity Index global maior que 0,80; ambos compõem itens sobre o conhecimento prévio do aprendiz, objetivo geral e específicos de aprendizagem, fundamentação teórica, responsáveis, complexidade, documentação, Briefing, tema, recursos humanos e materiais, público-alvo, treino da equipe, Debriefing eavaliação. Conclusões: cenários simulados foram validados para o ensino-aprendizagem de estudantes de enfermagem, para avaliar e tratar Lesão por Pressão no contexto hospitalar e domiciliar.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Liandra Aparecida Cezario Rocha, Universidade Federal de São Carlos

Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) – São Carlos (SP), Brasil. E-mail: lrocha@estudante.ufscar.br.

Bruna Caroline Gorla, Universidade Federal de São Carlos

Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) – São Carlos (SP), Brasil. E-mail: brunagorla@estudante.ufscar.br.

Beatriz Maria Jorge, Universidade Federal de Mato Grosso dos Sul

Universidade Federal de Mato Grosso dos Sul (UFMS) – Coxim (MS), Brasil. E-mail: beatriz_jorge@ufms.br.

Maria Gabriela Afonso, Universidade Federal de São Carlos

Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) – São Carlos (SP), Brasil. E-mail: lmgafonso@estudante.ufscar.br.

Elaine Cristina Negri Santos, Universidade do Oeste Paulista

Universidade do Oeste Paulista (Unoeste) – Presidente Prudente (SP), Brasil. E-mail: elainenegrisantos@gmail.com.

Fernanda Berchelli Girão Miranda, Universidade Federal de São Carlos

Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) – São Carlos (SP), Brasil. E-mail: fernanda.berchelli@ufscar.br.

Referências

Rosa MEC, Pereira-Ávila FMV, Góes FGB, Pereira-Caldeira NMV, Sousa LRM, Goulart MCL. Aspectos positivos e negativos da simulação clínica no ensino de enfermagem. Esc. Anna Nery [Internet]. 2020 [acesso em: 01 jul. 2021];24(3):e20190353. Disponível em: https://doi.org/10.1590/2177-9465-ean-2019-0353.

Mazzo A, Miranda FBG, Meska MHG, Bianchini A, Bernardes RM, Pereira Junior GA. Teaching of pressure injury prevention and treatment using simulation. Esc. Anna Nery [Internet]. 2018 [acesso em: 01 jul. 2021];22(1):e20170182. Disponível em:: https://doi.org/10.1590/2177-9465-ean-2017-0182.

INACSL Standards Committee. INACSL Standards of Best Practice: SimulationSM Simulation Design. Clinical Simulation in Nursing [Internet]. 2016 [acesso em: 01 jul. 2021];12 (supl.):S5-S12. Disponível em: https://doi.org/10.1016/j.ecns.2016.09.005.

Fabri RP, Mazzo A, Martins JCA, Fonseca AS, Pedersoli CE, Miranda FBG et al. Development of a theoretical-practical script for clinical simulation. Rev. esc. enferm. USP [Internet]. 2017 [acesso em: 01 jul. 2021];51:e03218. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S1980-220X2016016403218.

Kaneko RMU, Lopes MHBM. Realistic health care simulation scenario: what is relevant for its design? Rev. esc. enferm. USP [Internet]. 2019 [acesso em: 01 jul. 2021] ;53:e03453. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S1980-220X2018015703453.

National Pressure Ulcer Advisory Panel, European Pressure Ulcer Advisory Panel and Pan Pacific Pressure Injury Alliance. Prevention and Treatment of Pressure Ulcers: Quick Reference Guide. Emily Haesler (Ed.). Cambridge Media: Osborne Park, Australia; 2014 [acesso em: 01 jul. 2021]. Disponível em: https://www.epuap.org/wp-content/uploads/2016/10/portuguese-quick-reference-guide-jan2016.pdf.

Ferraz APCM, Belhot RV. Taxonomia de Bloom: revisão teórica e apresentação das adequações do instrumento para definição de objetivos instrucionais. Gest. Prod. [Internet]. 2010 [acesso em: 01 jul. 2021];17(2):421-31. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0104-530X2010000200015.

European Pressure Ulcer Advisory Panel, National Pressure Injury Advisory Panel and Pan Pacific Pressure Injury Alliance. Prevenção e tratamento de úlceras / lesões por pressão: guia de consulta rápida [Internet]. (edição em português brasileiro). Haesler E, editora. Wijma M, tradutora. Praga: EPUAP/NPIAP/PPPIA; 2019 [acesso em: 01 jul. 2021]. Disponível em: https://www.epuap.org/wp-content/uploads/2020/11/qrg-2020-brazilian-portuguese.pdf.

Associação Brasileira de Estomaterapia: estomias, feridas e incontinência (SOBEST) e Associação Brasileira de Enfermagem em Dermatologia (SOBENDE). Classificação das lesões por pressão: consenso NPUAP 2016 – adaptada culturalmente para o Brasil. São Paulo: SOBEST; 2016 [acesso em: 01 jul. 2021]. Disponível em: http://www.sobest.org.br/textod/35.

Fehring R. Methods to validate nursing diagnoses. Heart Lung [Internet]. 1987 [acesso em: 01 jul. 2021];16(6 pt1):625-29. Disponível em: https://epublications.marquette.edu/cgi/viewcontent.cgi?article=1026&context=nursing_fac.

Polit DF, Beck CT, Hungler BP. Fundamentos de pesquisa em enfermagem: métodos, avaliação e utilização. 6ª ed. Porto Alegre: Artmed; 2011.

Grant JS, Davis LL. Selection and use of content experts for instrument development. Res Nurs Health [Internet]. 1997 [acesso em: 01 jul. 2021];20(3):269-74. Disponível em: https://doi.org/10.1002/(sici)1098-240x(199706)20:3%3C269::aid-nur9%3E3.0.co;2-g.

Regis CF. Construção e validação de instrumento para avaliação de habilidades clínicas dos estudantes de graduação na simulação realística em atendimento pré-hospitalar [Dissertação na Internet]. [Recife]: Faculdade Pernambucana de Saúde; 2019 [acesso em: 01 jul. 2021]. Disponível em: http://repositorio.fps.edu.br/handle/4861/189.

Lynn MR. Determination and quantification of content validity. Nurs Res [Internet]. 1986 [acesso em: 01 jul. 2021];35(6):382-85. Disponível em: https://doi.org/10.1097/00006199-198611000-00017.

Scarparo AF, Laus AM, Azevedo ALCS, Freitas MRI, Gabriel CS, Chaves LDP. Reflexões sobre o uso da técnica delphi em pesquisas na enfermagem. Rev RENE [Internet]. 2012 [acesso em: 01 jul. 2021]13(1):242-51. Disponível em: http://www.periodicos.ufc.br/rene/article/view/3803.

Pieper B, Mott M. Nurses’ knowledge of pressure ulcer prevention, stating, and description. Adv Wound Care [Internet]. 1995 [acesso em: 01 jul. 2021];8(3):34-48. Disponível em: http://europepmc.org/abstract/med/7795877.

Baptista RCN, Martins JCA, Pereira MFCR, Mazzo A. Students' satisfaction with simulated clinical experiences: validation of an assessment scale. Rev. Latino-Am. Enfermagem [Internet]. 2014 [acesso em: 01 jul. 2021];22(5):709-15. Disponível em: https://doi.org/10.1590/0104-1169.3295.2471.

Almeida RGS, Mazzo A, Martins JCA, Baptista RCN, Girão FB, Mendes IAC. Validation to Portuguese of the Scale of Student Satisfaction and Self-Confidence in Learning. Rev Latino Am Enferm [Internet]. 2015 [acesso em: 01 jul. 2021];23(6):1007-13. Disponível em: http://doi.org/10.1590/0104-1169.0472.2643.

Offiah G, Ekpotu LP, Murphy S, Kane D, Gordon A, O’Sullivan M et.al. Evaluation of medical student retention of clinical skills following simulation training. BMC Med Educ [Internet]. 2019 [acesso em: 01 jul. 2021];19:263. Disponível em: https://doi.org/10.1186/s12909-019-1663-2.

Lavoie P, Micahud C, Belisle M, Boyer L, Gosslein E, Grondin M et al. Learning theories and tools for the assessment of core nursing competencies in simulation: a theoretical review. J Adv Nurs [Internet]. 2018 [acesso em: 01 jul. 2021];74(2):239-50. Disponível em: https://doi.org/10.1111/jan.13416.

Silva JLG, Oliveira-Kumakura ARS. Clinical simulation to teach nursing care for wounded patients. Rev. Bras. Enferm [Internet]. 2018 [acesso em: 01 jul. 2021];71(Suppl 4):1785-90. Disponível em: https://doi.org/10.1590/0034-7167-2017-0170.

INACSL Standards Committee. INACSL Standards of Best Practice: SimulationSM Simulation-Enhanced Interprofessional Education (Sim-IPE). Clinical Simulation in Nursing [Internet]. 2016 [acesso em: 01 jul. 2021];12 (supl.):S34-S8. Disponível em: https://doi.org/10.1016/j.ecns.2016.09.011.

Souza RS, Oliveira PP, Dias AAL, SDAS, Pelizari AEB, Figueiredo RM. Prevention of infections associated with peripheral catheters: construction and validation of clinical scenario. Rev. Bras. Enferm [Internet]. 2020 [acesso em: 01 jul. 2021];73(5):e20190390. Disponível em: https://doi.org/10.1590/0034-7167-2019-0390.

Meakim C, Boese T, Decker S. Franklin AE, Gloe D, Lioce L, et. al. Standards of Best Practice: Simulation Standard I: Terminology. Clin Simul Nurs [Internet]. 2013 [cited 20 nov 2020];9(6S),S3-11. Available from: https://doi.org/10.1016/j.ecns.2013.04.001.

Stokes-Parish JB, Duvivier R, Jolly B. Does Appearance Matter? Current Issues and Formulation of a Research Agenda for Moulage in Simulation. Simul Healthc [Internet]. 2017 [acesso em: 01 jul. 2021];12(1):47-50. Disponível em: https://doi.org/10.1097/SIH.0000000000000211.

Diamond S, Middleton A, Mather R. A cross‐faculty simulation model for authentic learning. Innovations in Education and Teaching International [Internet]. 2011 [acesso em: 01 jul. 2021];48(1),25-35. Disponível em: https://doi.org/10.1080/14703297.2010.518423.

Eppich W, Cheng A. Promoting Excellence and Reflective Learning in Simulation (PEARLS): development and rationale for a blended approach to health care simulation debriefing society for simulation in healthcare. Simul Healthc [Internet]. 2015 [acesso em: 01 jul. 2021];10(2):106-15. Disponível em: https://doi.org/10.1097/SIH.0000000000000072.

Publicado

07-10-2021

Como Citar

1.
Rocha LAC, Gorla BC, Jorge BM, Afonso MG, Santos ECN, Miranda FBG. Validação de cenários simulados para estudantes de enfermagem: avaliação e tratamento de Lesão por Pressão. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 7º de outubro de 2021 [citado 8º de dezembro de 2021];23. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/fen/article/view/67489

Edição

Seção

Artigo Original