A vulnerabilidade de agentes comunitários de saúde frente ao risco biológico

Autores

  • Fabiana Ribeiro de Rezende Universidade Federal de Goiás
  • Katiane Martins Mendonça Universidade Federal de Goiás
  • Hélio Galdino Júnior Universidade Federal de Goiás https://orcid.org/0000-0002-5570-8183
  • Thaís de Arvelos Salgado Pontifícia Universidade Católica de Goiás
  • Clery Mariano da Silva Alves Universidade Federal de Goiás https://orcid.org/0000-0003-2447-8861
  • Tauana Souza Amaral Universidade Federal de Goiás
  • Anaclara Ferreira Veiga Tipple Universidade Federal de Goiás https://orcid.org/0000-0002-0812-2243

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v23.62222

Palavras-chave:

Agentes Comunitários de Saúde, Exposição Ocupacional, Controle de Doenças Transmissíveis, Contenção de Riscos Biológicos, Disseminação de Informação

Resumo

Os objetivos foram identificar as exposições ocupacionais a material biológico entre agentes comunitários de saúde; caracterizar os modos de exposição, as secreções orgânicas e as circunstâncias envolvidas; descrever as condutas adotadas e verificar a participação desses trabalhadores em capacitações sobre risco biológico e biossegurança. Estudo transversal descritivo. Participaram 80 agentes dos 89 integrantes de equipes de saúde da família de um distrito sanitário do município de Goiânia. Resultados: 23 (28,8%) referiram exposição ocupacional, 10 (43,5%) citaram mais de uma exposição. A maioria envolveu saliva em pele íntegra ou em mucosa. Menos da metade deles referiu participação em capacitações abordando risco biológico e biossegurança. Agentes comunitários de saúde foram expostos a material biológico e, predominantemente, não estavam preparados. Políticas públicas direcionadas a estes trabalhadores devem contemplar claramente o risco biológico e seu controle para direcionar estratégias, conferir proteção trabalhista e garantir a incorporação desta temática na formação desse grupo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

03-02-2021

Como Citar

Rezende, F. R. de, Mendonça, K. M., Galdino Júnior, H., Salgado, T. de A., Alves, C. M. da S., Amaral, T. S., & Tipple, A. F. V. (2021). A vulnerabilidade de agentes comunitários de saúde frente ao risco biológico. Revista Eletrônica De Enfermagem, 23. https://doi.org/10.5216/ree.v23.62222

Edição

Seção

Artigo Original