Evolução clínica dos indicadores de resultados de enfermagem em pacientes com padrão respiratório ineficaz

Resumo

O objetivo deste estudo foi avaliar a evolução clínica dos indicadores de resultados de enfermagem em pacientes com Padrão Respiratório Ineficaz, através da Nursing Outcomes Classification. Trata-se de estudo longitudinal prospectivo realizado em hospital universitário, com 25 pacientes com doenças pulmonares, que foram acompanhados durante um período de três dias ou até alta hospitalar. Os indicadores dos resultados de enfermagem Estado Respiratório, Nível de Fadiga e Nível de Ansiedade foram avaliados utilizando técnicas propedêuticas de avaliação respiratória e escala Likert de cinco pontos, conforme a Nursing Outcomes Classification. Quando agrupadas as médias de todos os indicadores, observou-se evolução de melhora significativa na média (p<0,001), na comparação entre a primeira e última avaliação, destacando-se Tosse (p=0,017) e Ansiedade verbalizada (p=0,013). A Dispneia obteve melhora estatisticamente significativa (p=0,017) na avaliação diária. Observou-se que a Nursing Outcomes Classification possibilita mensurar a evolução clínica dos resultados dos pacientes, bem como o grau de comprometimento do padrão respiratório.

Descritores: Diagnóstico de Enfermagem; Sistema Respiratório; Avaliação de Resultados em Cuidados de Saúde.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...
Publicado
25-06-2020
Como Citar
Barreto, L. N. M., Silva, M. B. da, Nomura, A. T. G., Lucena, A. de F., & Almeida, M. de A. (2020). Evolução clínica dos indicadores de resultados de enfermagem em pacientes com padrão respiratório ineficaz. Revista Eletrônica De Enfermagem, 22. https://doi.org/10.5216/ree.v22.60784
Seção
Artigo Original