Avaliação da satisfação do resultado de enfermagem Bem-estar Pessoal em idosos com doenças crônicas

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v22.58690

Resumo

Estudos que trazem a avaliação do grau de satisfação do resultado de enfermagem Bem-estar Pessoal em idosos com doenças crônicas ainda são incipientes. O objetivo desse estudo foi avaliar o resultado de enfermagem Bem-estar Pessoal de idosos com hipertensão arterial e diabetes mellitus. Pesquisa transversal, realizada com 103 idosos acompanhados em uma Unidade de Atenção Primária à Saúde de um município do estado do Ceará, Brasil. Analisou-se a magnitude de resposta dos indicadores do resultado de enfermagem Bem-estar Pessoal da Classificação de Resultados de Enfermagem, segundo o grau de satisfação dos pacientes. Os indicadores que apresentaram maiores índices de satisfação foram: Vida espiritual (92,2%) e Relações sociais (91,2%). As únicas variáveis com associação estatisticamente significativa com o resultado de enfermagem foram etilismo (p=0,011) e atividade cultural (p=0,012). Os resultados sugerem que idosos com hipertensão arterial e diabetes mellitus possuem Bem-estar Pessoal considerado satisfatório, com média de satisfação de 4,06 (±0,76).

Descritores: Enfermagem; Doença Crônica; Hipertensão; Diabetes Mellitus; Avaliação de Resultados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Publicado

14-05-2020

Como Citar

1.
Cavalcante TF, Oliveira LR de, Gondim ALM, Ferreira JE de SM, Nemer APL, Moreira RP. Avaliação da satisfação do resultado de enfermagem Bem-estar Pessoal em idosos com doenças crônicas. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 14º de maio de 2020 [citado 17º de outubro de 2021];22. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/fen/article/view/58690

Edição

Seção

Artigo Original