Efetividade de intervenções educativas sobre contracepção na adolescência: revisão sistemática da literatura

  • Marcela Lima Silveira Praxedes Universidade Estadual do Ceará
  • Maria Veraci Oliveira Queiroz Universidade Estadual do Ceará

Resumo

O objetivo foi investigar a efetividade das intervenções educativas sobre contracepção na adolescência. Realizou-se busca nas bases de dados da Literatura Latino-Americana e do Caribe (LILACS), Cumulative Index to Nursing & Allied Health Literature(CINAHL), Web of Science e no portalNational Library of Medicine (PubMed/Medline), obedecendo aos critérios de inclusão: estudos que avaliem a efetividade de intervenções educativas sobre contracepção na adolescência, disponíveis na íntegra, nos idiomas português, inglês e espanhol. Observando os critérios de elegibilidade, obteve-se uma amostra de oito artigos. Observaram-se diferentes estratégias educativas sobre contracepção na adolescência utilizadas em diversos contextos e cenários, cujas intervenções mostraram-se efetivas, promovendo mudanças no conhecimento e/ou nas atitudes, evidenciando autoeficácia na prevenção de gravidez e infecções sexualmente transmissíveis. Conclui-se, portanto, que as intervenções educativas se mostraram efetivas na promoção da saúde sexual e reprodutiva dos adolescentes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcela Lima Silveira Praxedes, Universidade Estadual do Ceará

Enfermeira. Discente do Curso de Mestrado Profissional em Saúde da Criança e do Adolescente da Universidade Estadual do Ceará. Fortaleza, CE, Brasil. E-mail: marcelalsilveira@yahoo.com.br.

Maria Veraci Oliveira Queiroz, Universidade Estadual do Ceará

Enfermeira, Doutora em Enfermagem. Professora Adjunta da Universidade Estadual do Ceará. Fortaleza, CE, Brasil. E-mail: veracioq@hotmail.com.

Publicado
31-12-2018
Como Citar
Praxedes, M. L. S., & Queiroz, M. V. O. (2018). Efetividade de intervenções educativas sobre contracepção na adolescência: revisão sistemática da literatura. Revista Eletrônica De Enfermagem, 20. https://doi.org/10.5216/ree.v20.51274
Seção
Artigo de Revisão