Dinâmica familiar em situação de nascimento e puerpério

Autores

  • Cleusa Alves Martins Universidade Federal de Goiás
  • Karina Machado Siqueira Universidade Federal de Goiás
  • Maria Antonieta Rubio Tyrrell Universidade Federal do Rio de Janeiro
  • Maria Alves Barbosa Universidade Federal de Goiás
  • Sílvia Maria Soares Carvalho Saúde da Família de Goiânia-GO
  • Luzinéia Vieira dos Santos Programa de Saúde da Família de Goiânia-GO

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v10.46778

Palavras-chave:

Saúde da Família, Serviços de saúde, Enfermagem Obstétrica

Resumo

As mudanças ocorridas durante os períodos de nascimento e puerpério podem interferir significativamente na dinâmica familiar. A formação de uma rede de apoio pelo grupo familiar pode ser extremamente benéfica, tanto para a puérpera quanto para os demais membros que vivenciam de forma mais próxima o nascimento da criança. Este estudo objetivou identificar a participação efetiva dos membros da família nos cuidados a puérpera e ao recém-nascido após alta hospitalar e analisar a dinâmica da família durante esse período. Pesquisa qualitativa, realizada entre abril e maio de 2004, junto a mães no período puerperal e suas famílias, assistidas pela Estratégia Saúde da Família, na Região Leste de Goiânia-GO. Durante a análise, identificaram-se três categorias temáticas: A dinâmica familiar; O suporte assistencial à mulher; A experiência do nascimento. Verificou-se que a assistência a puérpera e ao recém-nascido é compartilhada pelos membros do clã familiar. As avós são pessoas significativas no cuidado, labor doméstico e suporte financeiro. A pequena participação ou ausência paterna está associada ao seu trabalho. O suporte profissional foi importante para as famílias, nos levando a uma postura reflexiva quanto à necessidade de se desenvolver ações integradas na assistência à saúde da mulher no período pré-natal e puerperal

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Cleusa Alves Martins, Universidade Federal de Goiás

Enfermeira Obstetra. Doutora em Enfermagem. Professora Adjunta da Faculdade de Enfermagem da Universidade Federal de Goiás – FEN/UFG. Goiânia-GO. E-mail: cleusa@fen.ufg.br

Karina Machado Siqueira, Universidade Federal de Goiás

Enfermeira. Mestre em Enfermagem. Professora Assistente da Faculdade de Enfermagem da Universidade Federal de Goiás – FEN/UFG. E-mail: karinams@fen.ufg.br

Maria Antonieta Rubio Tyrrell, Universidade Federal do Rio de Janeiro

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Professora Titular Diretora da Escola de Enfermagem Anna Nery da Universidade Federal do Rio de Janeiro – EEAN/UFRJ. E-mail: direcao@eean.ufrj.br

Maria Alves Barbosa, Universidade Federal de Goiás

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Professora Adjunta da Faculdade de Enfermagem da Universidade Federal de Goiás – FEN/UFG. E-mail: maria.malves@gmail.com

Sílvia Maria Soares Carvalho, Saúde da Família de Goiânia-GO

Enfermeira do Programa de Saúde da Família de Goiânia-GO. Especialista em Saúde da Família

Luzinéia Vieira dos Santos, Programa de Saúde da Família de Goiânia-GO

Enfermeira do Programa de Saúde da Família de Goiânia-GO. Especialista em Saúde da Família

Downloads

Publicado

15-05-2017

Como Citar

1.
Martins CA, Siqueira KM, Tyrrell MAR, Barbosa MA, Carvalho SMS, Santos LV dos. Dinâmica familiar em situação de nascimento e puerpério. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 15º de maio de 2017 [citado 8º de dezembro de 2021];10(4). Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/fen/article/view/46778

Edição

Seção

Artigo Original