Identificação do diagnóstico de enfermagem autocontrole ineficaz da saúde em alcoolistas: um estudo descritivo

Autores

  • Alexciane Priscila da Silva
  • Jaqueline Galdino Albuquerque Perrelli Universidade Federal de Pernambuco
  • Fernanda Jorge Guimarães Universidade Federal de Pernambuco
  • Suzana de Oliveira Mangueira Universidade Federal de Pernambuco
  • Simara Lopes Cruz Universidade Federal de Pernambuco
  • Iracema da Silva Frazão Universidade Federal de Pernambuco

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v15i4.19841

Palavras-chave:

Alcoolismo, Processos de Enfermagem, Diagnóstico de Enfermagem, Cooperação do Paciente

Resumo

O Alcoolismo é um problema de saúde pública que exige importante atuação do enfermeiro na prestação de cuidados sistematizados. Objetivou-se identificar o diagnóstico de enfermagem Autocontrole Ineficaz da Saúde em alcoolistas. Trata-se de um estudo descritivo, tipo transversal, desenvolvido em um hospital localizado no interior do estado de Pernambuco. A amostra foi de 46 pacientes. A coleta dos dados foi realizada por meio de entrevista estruturada com a utilização de um instrumento com informações sobre o diagnóstico de enfermagem em estudo. Identificou-se o Autocontrole Ineficaz da Saúde em 28,3% dos pacientes alcoolistas. Esse fenômeno apresentou relação com as características Escolhas na vida diária ineficazes para atingir as metas de saúde, Expressão de desejo de controlar a doença e Falha em agir para reduzir fatores de risco. Os achados sugerem a necessidade da reestruturação do cuidado de enfermagem de acordo com essas características.

Descritores: Alcoolismo; Processos de Enfermagem; Diagnóstico de Enfermagem; Cooperação do Paciente.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alexciane Priscila da Silva

Enfermeira. Vitória de Santo Antão, PE, Brasil. E-mail: alexcia_silva@hotmail.com.

Jaqueline Galdino Albuquerque Perrelli, Universidade Federal de Pernambuco

Enfermeira, Mestre em Enfermagem. Discente do Programa de Pós-Graduação em Neuropsiquiatria e Ciências do Comportamento, nível Doutorado, da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Professora Assistente da UFPE. Vitória de Santo Antão, PE, Brasil. E-mail: jaquealbuquerque@terra.com.br.

Fernanda Jorge Guimarães, Universidade Federal de Pernambuco

Enfermeira, Mestre em Enfermagem. Discente do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, nível Doutorado, da Universidade Federal do Ceará (UFC). Professora Assistente da UFPE. Vitória de Santo Antão, PE, Brasil. E-mail: ferjorgui@hotmail.com.

Suzana de Oliveira Mangueira, Universidade Federal de Pernambuco

Enfermeira, Mestre em Enfermagem. Discente do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, nível Doutorado, da UFC. Professora Assistente da UFPE. Vitória de Santo Antão, PE, Brasil. E-mail: suzanaom@hotmail.com.

Simara Lopes Cruz, Universidade Federal de Pernambuco

Fonoaudióloga, Mestre em Saúde Pública. Professora Assistente da UFPE. Vitória de Santo Antão, PE, Brasil. E-mail: simara.cruz@hotmail.com.

Iracema da Silva Frazão, Universidade Federal de Pernambuco

Enfermeira, Doutora em Serviço Social. Professora Adjunta da UFPE. Recife, PE, Brasil. E-mail: isfrazao@gmail.com.

Downloads

Publicado

31-12-2013

Como Citar

1.
Silva AP da, Perrelli JGA, Guimarães FJ, Mangueira S de O, Cruz SL, Frazão I da S. Identificação do diagnóstico de enfermagem autocontrole ineficaz da saúde em alcoolistas: um estudo descritivo. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 31º de dezembro de 2013 [citado 20º de janeiro de 2022];15(4):932-9. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/fen/article/view/19841

Edição

Seção

Artigo Original