UM DIÁLOGO COM DIFERENTES “FORMAS-DE-SER” DA EDUCAÇÃO FÍSICA CONTEMPORÂNEA – DUAS TESES (NÃO) CONCLUSIVAS...

  • Ricardo Rezer Unochapecó - UFSC
  • Juarez Vieira do Nascimento Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
  • Paulo Evaldo Fensterseifer Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (Unijuí)
Palavras-chave: Epistemologia, identidade, educação física.

Resumo

O objetivo deste artigo é refletir sobre diferentes “formas-de-ser” da Educação Física (EF) na contemporaneidade, o que tem levado a constituição de diferentes “Educações Físicas” convivendo em um mesmo campo. Inicialmente, apresento os caminhos teórico-metodológicos da construção do estudo. Após, a discussão transita por algumas abordagens da EF, chegando a uma interpretação/compreensão de sua pretensa identidade epistemológica. Finalmente, apresento duas teses (não) conclusivas acerca de possibilidades para lidar com “formas-de-ser” da EF contemporânea.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ricardo Rezer, Unochapecó - UFSC
Professor da Unochapecó; Doutorando em Educação Física (PPGEF/UFSC)
Juarez Vieira do Nascimento, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
Professor do PPGEF/UFSC; Doutor em Ciências do Desporto (U.Porto)
Paulo Evaldo Fensterseifer, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (Unijuí)
Professor da Unijuí; Doutor em Filosofia da Educação (Unicamp)
Publicado
13-09-2011
Como Citar
Rezer, R., Nascimento, J. V. do, & Fensterseifer, P. E. (2011). UM DIÁLOGO COM DIFERENTES “FORMAS-DE-SER” DA EDUCAÇÃO FÍSICA CONTEMPORÂNEA – DUAS TESES (NÃO) CONCLUSIVAS. Pensar a Prática, 14(2). https://doi.org/10.5216/rpp.v14i2.9794
Seção
Artigos de Revisão