EFEITOS DO SEXO E POSIÇÃO DE JOGO NA APTIDÃO FÍSICA DE COMPETIDORES AMADORES DE RUGBY UNION

  • Camila Borges Müller Universidade Federal de Pelotas
  • Eraldo dos Santos Pinheiro Universidade Federal de Pelotas
  • Tairã Gonçalves Soares Universidade Federal de Pelotas
  • Fabricio Boscolo Del Vecchio Universidade Federal de Pelotas
Palavras-chave: Desempenho atlético, exercício, esportes.

Resumo

Objetivou-se mensurar e correlacionar variáveis antropométricas e de aptidão física de jogadores de rugby union (RU), segundo sexo e posição de jogo. 58 jogadores de RU (34 homens e 24 mulheres) foram envolvidos. Aferiram-se estatura (EST), massa corporal (MC), potência de membros inferiores (SJ e CMJ), velocidade de sprint de 10m (S10) e 20m (S20), potência anaeróbia (RAST), e resistência anaeróbia (M5). Entre homens, houve diferenças significativas entre posições em EST, MC, SJ, CMJ, S10 e S20, potência de pico, potência relativa à massa corporal e velocidade do RAST. No feminino, apenas MC variou entre posições. Observaram-se correlações entre S10 e potência média (PM) no masculino, e entre EST e S20, MC e PM, e MC e IF no feminino. Conclui-se que as diferenças na aptidão física entre posições são mais visíveis nos homens, e jogadores da posição backs são mais baixos, leves, rápidos e potentes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Camila Borges Müller, Universidade Federal de Pelotas

Graduação em Educação Física - Escola Superior de Educação Física/Universidade Federal de Pelotas; Mestranda em Educação Física - Formação Profissional e Prática Pedagógica - ESEF/UFPel; Membro do Grupo de Estudos e Pesquisas em Treinamento Físico e Desempenho Esportivo (GEPETED); Membro do Laboratório de Estudos em Esporte Coletivo (LEECol).

http://lattes.cnpq.br/5827144440411201

Eraldo dos Santos Pinheiro, Universidade Federal de Pelotas

Graduação em Educação Física pelo Centro Universitário La Salle - Canoas (2004), mestrado em Ciências do Movimento Humano pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2009) e doutorado em Ciências do Movimento Humano pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2014). Educador - Confederação Brasileira de Rugby e professor adjunto da Universidade Federal de Pelotas. Líder do Laboratório de Estudos em Esporte Coletivo (LEECol).

http://lattes.cnpq.br/2825017436880385

Tairã Gonçalves Soares, Universidade Federal de Pelotas

Graduando em Educação Física - Escola Superior de Educação Física/Universidade Federal de Pelotas. Membro do Laboratório de Estudos em Esporte Coletivo (LEECol).

http://lattes.cnpq.br/9146558927178127

Fabricio Boscolo Del Vecchio, Universidade Federal de Pelotas

Bacharelado (2011), Licenciatura (2004), Mestrado (2005) e Doutorado (2008) em Educação Física pela Universidade Estadual de Campinas (2001). Professor adjunto da Universidade Federal de Pelotas. Líder do Grupo de Estudos e Pesquisas em Treinamento Desportivo e Desempenho Físico (GEPETED) da Escola Superior de Educação Física da Universidade Federal de Pelotas, membro do National Strength and Conditioning Association e do American College of Sports Medicine

http://lattes.cnpq.br/4479595583234972

Publicado
27-12-2018
Como Citar
Müller, C. B., Pinheiro, E. dos S., Soares, T. G., & Del Vecchio, F. B. (2018). EFEITOS DO SEXO E POSIÇÃO DE JOGO NA APTIDÃO FÍSICA DE COMPETIDORES AMADORES DE RUGBY UNION. Pensar a Prática, 21(4). https://doi.org/10.5216/rpp.v21i4.49841
Seção
Artigos Originais