Óbvio Ululante: a trajetória de um programa sobre futebol em uma rádio universitária

  • Marina de Mattos Dantas Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
  • Luiza Aguiar dos Anjos Instituto Federal do Rio de Janeiro
Palavras-chave: Futebol, Rádio, Mídia

Resumo

Esse ensaio tem como objetivo analisar a trajetória de oito anos do Óbvio Ululante, programa sobre futebol veiculado na Rádio UFMG Educativa. Apresentamos, primeiramente, nosso entendimento acerca dos princípios que devem nortear a atuação de uma rádio universitária, que balizam também a produção do programa em questão, seguidos de uma descrição sobre a presença do futebol na mídia radiofônica. Analisamos, então, a experiência do Óbvio Ululante, dando ênfase às mudanças, explicadas a partir das reflexões e posicionamentos que as motivaram. Destaca-se a maior atenção dada aos “infames do futebol”, aqueles clubes, grupos e agentes do futebol com menor espaço na agenda midiática das grandes redes de comunicação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marina de Mattos Dantas, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

Pós-Doutoranda em Estudos do Lazer na Universidade Federal de Minas Gerais. Doutora em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, mestre em Psicologia Social pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, graduada em Psicologia pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. Pesquisadora no GEFuT – Grupo de Estudos sobre Futebol e Torcidas da EEFFTO/UFMG.

Luiza Aguiar dos Anjos, Instituto Federal do Rio de Janeiro

Doutora em Ciências do Movimento Humano pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, mestre em Estudos do Lazer pela Universidade Federal de Minas Gerais, graduada em Educação Física pela Universidade Federal de Minas Gerais. Professora de Educação Física do Instituto Federal do Rio de Janeiro. Currículo Lattes:  http://lattes.cnpq.br/7236003364163208   

Publicado
29-03-2019
Como Citar
Dantas, M., & Anjos, L. (2019). Óbvio Ululante: a trajetória de um programa sobre futebol em uma rádio universitária. Pensar a Prática, 22. https://doi.org/10.5216/rpp.v22.48818
Seção
Ensaios