A EDUCAÇÃO FÍSICA NO PLANO DA EXPERIÊNCIA: IMPLICAÇÕES NA PESQUISA E NA INTERVENÇÃO PROFISSIONAL E DOCENTE

Autores

  • Flávio Soares Alves Departamento de Educação Física - Unesp de Rio Claro
  • Yara Maria de Carvalho EEFE/USP

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpp.v18i1.28873

Palavras-chave:

Educação Física, plano da experiência, pesquisa, intervenção

Resumo

A pesquisa no plano da experiência é, certamente, uma prática investigativa estranha à Educação Física, haja vista a evidente afinidade da área com as metodologias científicas tradicionais pautadas pela visão positiva de ciência. Não obstante, a ousadia de ancorar a visibilidade da pesquisa e da intervenção no plano da experiência, garante a possibilidade de experimentar outras ciências na Educação Física. Para tanto é preciso apostar em uma reversão metodológica que se move no jogo entre pesquisador e sujeito. Como ancorar a visibilidade da pesquisa e da intervenção em meio a este jogo? O princípio da cartografia oferece pistas, através das quais, mobilizamos esta questão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Flávio Soares Alves, Departamento de Educação Física - Unesp de Rio Claro

Doutor em Ciências pela Escola de Educação Física e Esportes da USP

Mestre em Artes pelo Instituto de Artes da Unicamp

Graduado em Educação Física pela Unesp de Rio Claro

Downloads

Publicado

2015-03-31

Como Citar

ALVES, F. S.; CARVALHO, Y. M. de. A EDUCAÇÃO FÍSICA NO PLANO DA EXPERIÊNCIA: IMPLICAÇÕES NA PESQUISA E NA INTERVENÇÃO PROFISSIONAL E DOCENTE. Pensar a Prática, Goiânia, v. 18, n. 1, 2015. DOI: 10.5216/rpp.v18i1.28873. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/fef/article/view/28873. Acesso em: 28 maio. 2022.

Edição

Seção

Ensaios