O SISTEMA DE PONTUAÇÃO NO VOLEIBOL DE QUADRA E O TEMA TRANSVERSAL TRABALHO E CONSUMO: POSSIBILIDADES PEDAGÓGICAS

Autores

  • André Luís Ruggiero Barroso
  • Suraya Cristina Darido Universidade Estadual Paulista -Rio Claro

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpp.v18i1.28007

Palavras-chave:

Educação Física Escolar. Esporte. Transversalidade. Material Didático

Resumo

O presente estudo teve o objetivo de investigar a possibilidade de um tratamento pedagógico acerca da relação entre a alteração do sistema de pontuação no voleibol de quadra e o tema transversal trabalho e consumo nas aulas de Educação Física escolar. Por meio da utilização da técnica do grupo focal foi realizado um encontro com a participação do pesquisador e de sete professores. Os resultados foram divididos em três categorias: os interesses mercadológicos influenciando no voleibol de quadra; a relevância de se abordar nas aulas de Educação Física escolar a relação entre o voleibol de quadra e as questões de consumo; quais instrumentos pedagógicos podem ser utilizados para tratar a relação da mídia e as questões de consumo referente ao sistema de pontuação no voleibol

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

André Luís Ruggiero Barroso

Doutorando em Desenvolvimento Humano e Tecnologias - Instituto de Biociências - UNESP / Rio Claro

Professor do Curso de Educação Física da Faculdade de Jaguariúna - SP

Professor da Rede Municipal de Paulínia - SP

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/0016646285525756

Suraya Cristina Darido, Universidade Estadual Paulista -Rio Claro

Doutora em Psicologia Escolar e do Desenvolvimento Humano - Universidade de São Paulo

Livre Docente pela Universidade Estadual Paulista - Rio Claro

Coordenadora do Grupo de Estudos "Laboratório de Estudos e Trabalhos Pedagógicos em Educação Física" - UNESP - Rio Claro

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/1055731898835975

Downloads

Publicado

2015-03-31

Como Citar

BARROSO, A. L. R.; DARIDO, S. C. O SISTEMA DE PONTUAÇÃO NO VOLEIBOL DE QUADRA E O TEMA TRANSVERSAL TRABALHO E CONSUMO: POSSIBILIDADES PEDAGÓGICAS. Pensar a Prática, Goiânia, v. 18, n. 1, 2015. DOI: 10.5216/rpp.v18i1.28007. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/fef/article/view/28007. Acesso em: 28 maio. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais