Redes de relações pessoais e prática empresarial: um estudo sobre as empresas de comunicação e a política no Rio Grande do Sul

  • Fernanda Rios Petrarca

Resumo

Este artigo analisa o papel das redes de relações entre empresários da comunicação e a política no Rio Grande do Sul. A partir do estudo de caso de duas empresas de comunicação do estado, identificamos um conjunto de mudanças sociais e políticas que conduziram a uma diversificação nas formas de relação entre o empresariado e a política. Por um lado, o período de ascensão da empresa Caldas Júnior representa um momento em que a base das relações entre o empresariado ocorria por meio dos vínculos diretos com o Estado. Por outro, o momento de ascensão da empresa Rede Brasil Sul (RBS) ocorre em um contexto em que as relações com a esfera política haviam se diversificado e com isso era preciso ampliar as redes de relações. Com base nisso, foi possível identificar as transformações nos mecanismos de acesso à política e as redes de relações que fundamentam as práticas dos empresários.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
26-12-2017
Como Citar
Rios Petrarca, F. (2017). Redes de relações pessoais e prática empresarial: um estudo sobre as empresas de comunicação e a política no Rio Grande do Sul. Sociedade E Cultura, 20(1). https://doi.org/10.5216/sec.v20i1.50863
Seção
Artigos Livres