O PROCESSO DE MODERNIZAÇÃO TECNOLÓGICA NA AGRICULTURA E A DISPUTA TERRITORIAL NO CAMPO BRASILEIRO

Autores

  • Heloisa Vitória de Castro Paula Universidade Federal de Catalão
  • Marcelo Cervo Chelotti Universidade Federal de Uberlândia

DOI:

https://doi.org/10.5216/er.v20i1.53274

Resumo

Este trabalho apresenta a síntese do processo de modernização tecnológica na agricultura brasileira no período de 1970 aos anos 2000. Como suporte para esta análise serão apresentadas ideias de autores que discutem a questão agrária, o território e a agricultura. Como ponto de partida apresentamos como a expansão da economia mundial pós II Guerra Mundial contribuiu para o aumento nos investimentos nas atividades produtivas da agropecuária, impulsionando a modernização da agricultura e mudanças na base técnica da produção agrícola. Para compreender a dinâmica desse processo no recorte temporal proposto, este texto apresenta a partir da análise teórica, o papel do Estado no campo brasileiro, as influências de capital interno e externo na dinâmica das atividades agrárias e a luta pela terra, ambos buscando o protagonismo nessa disputa territorial.

Biografia do Autor

Heloisa Vitória de Castro Paula, Universidade Federal de Catalão

Professora na Unidade Acadêmica Especial de Educação, da Universidade Federal de Catalão

Marcelo Cervo Chelotti, Universidade Federal de Uberlândia

Professor no Instituto de Geografia da Universidade Federal de Uberlândia

 

Downloads

Publicado

30-09-2018

Como Citar

PAULA, H. V. de C.; CHELOTTI, M. C. O PROCESSO DE MODERNIZAÇÃO TECNOLÓGICA NA AGRICULTURA E A DISPUTA TERRITORIAL NO CAMPO BRASILEIRO. Espaço em Revista, [S. l.], v. 20, n. 1, 2018. DOI: 10.5216/er.v20i1.53274. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/espaco/article/view/53274. Acesso em: 24 out. 2021.

Edição

Seção

ARTIGOS/ARTICLES