A ABACAXICULTURA EM CANÁPOLIS (MG) E AS FORMAS DE ACESSO A TERRA PARA PRODUÇÃO

Autores

  • Rosiane Mendes de Oliveira Faculdade de Ciências Integradas do Pontal, Universidade Federal de Uberlândia (FACIP/UFU)
  • Patricia Francisca Matos UFG/RC

DOI:

https://doi.org/10.5216/er.v20i1.50621

Resumo

O abacaxi é produzido em quase todos os estados brasileiros. Minas Gerais é o terceiro produtor nacional e os municípios de Monte Alegre de Minas, Canápolis e Frutal se destacam na produção no estado. Nesse contexto, o texto tem como objetivo mostrar a produção da abacaxicultura em Canápolis e as formas de acesso a terra. Optou-se pela pesquisa qualitativa como caminho a ser percorrido por meio de um conjunto de técnicas apropriadas, como pesquisa bibliográfica, pesquisa documental e pesquisa de campo. Em Canápolis, uma das principais formas de acesso à terra para a produção do abacaxi é o arrendamento. Geralmente os produtores têm uma profissão além da abacaxicultura, mas investem nela para ter uma renda extra, questão cultural e por fatores como condições climáticas, solos favoráveis, infraestrutura que o município possui pelo seu histórico com a atividade.

Downloads

Publicado

30-09-2018

Como Citar

OLIVEIRA, R. M. de; MATOS, P. F. A ABACAXICULTURA EM CANÁPOLIS (MG) E AS FORMAS DE ACESSO A TERRA PARA PRODUÇÃO. Espaço em Revista, [S. l.], v. 20, n. 1, 2018. DOI: 10.5216/er.v20i1.50621. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/espaco/article/view/50621. Acesso em: 27 out. 2021.

Edição

Seção

ARTIGOS/ARTICLES