A QUESTÃO DA CARTOGRAFIA TEMÁTICA1 (Segundo Jacques Bertin)

Autores

  • Antônio Teixeira Neto

DOI:

https://doi.org/10.5216/er.v11i1.13676

Resumo

Resumo: Se, em sentido amplo, o mapa é um instrumento de pesquisa e de comunicação bastante útil ao geógrafo, em sentido restrito, o mapa temático é para o geógrafo um instrumento de pesquisa, de trabalho e de comunicação indispensável. Não há estudo geográfico que não se sirva da cartografia temática como metodologia de pesquisa e de comunicação da informação. O mapa temático está para o geógrafo o que os arquivos históricos estão para o historiador: sem eles não há pesquisa confiável. Diferentemente da carta topográfica – que fornece o fundo de mapa, ou seja, a referência precisa em X,Y (longitude e latitude) –, o mapa temático, elaborado à luz da abordagem semiológica da representação gráfica, fornece sob diferentes formatos e dimensões, as imagens que resultam das projeções humanas nos espaços nacional, estadual, regional e local. Nesse sentido, as construções temáticas por excelência são os atlas nacionais, regionais, escolares e a cartografia pedagógica, pois, sua realização gráfica – tanto enquanto método de obtenção de dados, como enquanto tratamento e comunicação da informação – é do domínio exclusivo da cartografia temática. Extrapolando o lado, digamos, técnico de sua realização, como afirma um dos seus maiores autores – Jacques Bertin –, o mapa, especialmente o mapa temático, serve também para diminuir as discórdias, amenizar a fome e até mesmo reaproximar as pessoas. Não há como ser diferente, porque esses documentos já fazem parte do cotidiano de todos nós, seja em casa, como na escola, no escritório ou na administração pública e privada.

Palavras-chave: Cartografia Temática. Carta Topográfica. Mapa Temático. Mapa Pedagógico. Pesquisa Geográfica. Comunicação.

Biografia do Autor

Antônio Teixeira Neto

Licenciado em História. Engenheiro Agrimensor. Doutor em Geografia e Cartografia.

Downloads

Publicado

18-05-2011

Como Citar

NETO, A. T. A QUESTÃO DA CARTOGRAFIA TEMÁTICA1 (Segundo Jacques Bertin). Espaço em Revista, [S. l.], v. 11, n. 1, 2011. DOI: 10.5216/er.v11i1.13676. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/espaco/article/view/13676. Acesso em: 27 nov. 2021.

Edição

Seção

ARTIGOS/ARTICLES