AVALIAÇÃO DO IMPACTO DA CRIAÇÃO DE CANAIS ARTIFICIAIS SOBRE A DINÂMICA DAS VAZÕES E SEDIMENTOS EM SUSPENSÃO EM BACIA HIDROGRÁFICA

EVALUATION OF IMPACTS ON THE CREATION OF ARTIFICIAL CHANNELS ON THE DYNAMICS OF FLOWS AND SUSPENDED SEDIMENTS IN A HYDROGRAPHIC BASIN

Autores

  • Silvio Carlos Rodrigues INSTITUTO DE GEOGRAFIA - UFU
  • Renato Emanuel Silva Instituto Federal do Mato Grosso

DOI:

https://doi.org/10.5216/bgg.v40.63811

Resumo

Os canais derivados multifuncionais são pequenos condutos artificiais construídos para viabilização de diversos serviços hídricos, a partir da captação de água de cursos naturais. Como são pouco conhecidas as mudanças que essas derivações promovem na dinâmica hidrológica das bacias, este artigo busca avaliar a repercussão dos sistemas de derivação sobre as vazões e sedimentos, por meio do estudo de cenários hidrogeomorfológicos, correlacionando as variáveis verificadas em campo. Dessa forma, foram escolhidas 4 derivações a partir de canais naturais da bacia do Alto Curso do Rio Dourados (Minas Gerais/Brasil) com monitoramento de 12 cenários mensais para vazão e sedimentos em suspensão. Os resultados apresentam as interferências dos canais artificiais desde os barramentos de derivação até às vertentes onde são alteradas as dinâmicas de deslocamento dos fluxos e materiais, com formações de níveis de base artificiais, gerando depósitos de sedimentos nas vertentes e repercutindo na produção e direcionamento da água da bacia hidrográfica. Logo, foi possível perceber, que os canais multifuncionais promovem mudanças nas inter-relações (formas/processos) hidrogeomorfológicas das bacias hidrográficas impactadas. Assim, é sugerida a necessidade de considerar essas estruturas nas abordagens referentes ao planejamento e gestão de bacias hidrográficas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Silvio Carlos Rodrigues, INSTITUTO DE GEOGRAFIA - UFU

Doutor em Geografia e Prof. do Instituto de Geografia da UFU

Renato Emanuel Silva, Instituto Federal do Mato Grosso

Licenciado em Geografia pelo Centro Universitário do Cerrado - Patrocínio (2008). F Pós-graduado em Inspeção Orientação e Supervisão Escolar (Lato-Sensu) pelo UNICERP com foco na dinâmica de ensino/aprendizagem. Mestre em Análise, Planejamento e Gestão Ambiental pelo Programa de Pós Graduação em Geografia do Instituto de Geografia da Universidade Federal de Uberlândia, buscando avaliar as relações de comunidades tradicionais com novos agentes do rural em bacias hidrográficas. Foi Bolsista de Doutorado pela CAPES na modalidade Sanduíche na Universidade do Minho (Guimarães - Portugal). É Doutor em Planejamento Ambiental e Ordenamento Territorial pela Universidade Federal de Uberlândia. Tem trabalhado com temáticas ligadas a hidrogeomorfologia e antropogeomorfologia especialmente aquelas entre encostas e canais fluviais com a presença de comunidades tradicionais. Foi Professor Substituto de Geografia do Instituto Federal do Triângulo Mineiro e é Professor EBTT do Instituto Federal do Mato Grosso - Campus Primavera do Leste.

Publicado

10-11-2020

Como Citar

Rodrigues, S. C., & Emanuel Silva, R. . (2020). AVALIAÇÃO DO IMPACTO DA CRIAÇÃO DE CANAIS ARTIFICIAIS SOBRE A DINÂMICA DAS VAZÕES E SEDIMENTOS EM SUSPENSÃO EM BACIA HIDROGRÁFICA: EVALUATION OF IMPACTS ON THE CREATION OF ARTIFICIAL CHANNELS ON THE DYNAMICS OF FLOWS AND SUSPENDED SEDIMENTS IN A HYDROGRAPHIC BASIN. Boletim Goiano De Geografia, 40(01), 1–34. https://doi.org/10.5216/bgg.v40.63811