Pequenas cidades, problemas urbanos e participação social na perspectiva da população local

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/ag.v15i1.64370

Resumo

As cidades são um produto histórico resultante de ações de  agentes diversos com transformações de múltiplas naturezas, instrisecas ao capitalismo. De um ambiente natural para o construído, as cidades se materializam como espaços de adensamento populacional, de recursos econômicos e infraestrutura. Essas mudanças alteram nas diversas escalas geográficas de análise a morfologia, a dinâmica, a estrutura e a qualidade de vida da população urbana.  Assim, este artigo aborda, na perspectiva da população local, os problemas urbanos em pequenas cidades na região Norte de Minas e a participação desta no âmbito do processo de planejamento urbano.  As populações buscam a melhoria das condições de suas vidas: infraestrutura e equipamentos, emprego, escolas, saúde, transporte, lazer, segurança, entre outras. A pesquisa é quali-quantitativa e foi realizada por meio da aplicação de questionários junto à população urbana de 19 municípios da mesorregião Norte de Minas Gerais.  Os dados obtidos revelam que a percepção da população sobre as suas condições de vida no município estão associadas, aos problemas relativos à infraestrutura, desemprego, serviços de saúde e investimentos no município.

Palavras-chave: Pequenas Cidades; Problemas Urbanos; Participação Social, Planejamento Urbano.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

20-04-2021

Como Citar

Soares de Franca, I. (2021). Pequenas cidades, problemas urbanos e participação social na perspectiva da população local. Ateliê Geográfico, 15(1), 218–237. https://doi.org/10.5216/ag.v15i1.64370

Edição

Seção

Artigos