Produção agrícola no estado do Mato Grosso e a relação entre o agronegócio e as cidades: o caso de Lucas do Rio Verde e Sorriso

  • Eduardo von Dentz Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Resumo

Nas últimas duas décadas, principalmente, a produção agrícola do estado do Mato Grosso teve uma grande evolução, tendo transformado o estado no maior produtor nacional de grãos, com destaque para as culturas de soja, milho, algodão e girassol. Ao passo que a produção agrícola cresceu, foi se percebendo uma estreita relação entre o agronegócio e as cidades. Por essas questões, o objetivo desse artigo é demonstrar a dinâmica recente da produção agrícola do estado do Mato Grosso e a relação do agronegócio com as cidades. Metodologicamente o artigo foi construído através da revisão bibliográfica, levantamento de dados e trabalhos de campo. Como resultados principais, pode-se dizer que o potencial agrícola do Mato Grosso cresceu muito em função dos incentivos das políticas de Estado e do favorecimento das condições edafoclimáticas que as terras do Mato Grosso oferecem. Na relação entre o agronegócio e as cidades, é possível afirmar que a antiga sobreposição ou submissão de um em relação ao outro não pode ser aplicada a este cenário, haja vista que identificamos uma relação de complementariedade entre o agronegócio e as cidades.

Palavras chave: Produção agrícola; Agronegócio; Cidade; Mato Grosso.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
20-08-2019
Como Citar
von Dentz, E. (2019). Produção agrícola no estado do Mato Grosso e a relação entre o agronegócio e as cidades: o caso de Lucas do Rio Verde e Sorriso. Ateliê Geográfico, 13(2), 165-186. https://doi.org/10.5216/ag.v13i2.54290
Seção
Artigos