Padrões e impactos ambientais da expansão atual do cultivo da cana-de-açúcar: uma proposta para o seu ordenamento no bioma Cerrado - DOI 10.5216/ag.v9i2.28770

  • Noely Vicente Ribeiro Universidade Federal de Goiás
  • Laerte Guimarães Ferreira Universidade Federal de Goiás
  • Nilson Clementino Ferreira Universidade Federal de Goiás

Resumo

Resumo

Vários países do mundo atualmente estão em busca de uma matriz energética mais sustentável.  Os biocombustíveis tem se apresentado como uma alternativa muito forte, com destaque para o etanol da cana-de-açúcar, haja vista sua maior produtividade. Assim, e dado o aumento da demanda pelo etanol da cana-de-açúcar no Brasil e no mundo, a expansão desta cultura tem sido inevitável, com o bioma Cerrado cotado para se tornar o maior produtor de etanol derivado da cana. Assumindo que a cana irá se expandir preferencialmente em áreas de pastagens, tanto por razões econômicas e ambientais, neste trabalho, apresentamos um ordenamento para a expansão da cana-de-açúcar no bioma Cerrado, ordenamento este que foi elaborado utilizando técnicas de análises espaciais e geoprocessamento, levando em conta a distribuição atual da cana-de-açúcar, seus fatores condicionantes na paisagem (relevo, uso da terra, solos, infraestrutura existente) e a legislação ambiental. Como resultado, obtivemos um cenário onde a expansão potencial corresponde a 5,7 vezes a área existente, em conformidade à legislação ambiental e sem que haja comprometimento de outras culturas.

Palavras-chave: Cana-de-açúcar. Etanol. Ordenamento territorial. Bioma Cerrado.

 

Abstract

Many different countries in the world are currently seeking for more efficient and sustainable sources of energy. The biofuels are certainly the most attractive alternative, with emphasis on the sugarcane derived ethanol for its high productivity. Thus, and considering the increasing demand for ethanol in Brazil and elsewhere, sugarcane expansion is unavoidable, particularly in the Cerrado biome. Assuming that the sugarcane will expand preferentially over cultivated pastures, for both economic and environmental reasons, in this work we propose, through spatial analysis techniques, an ordainment for this expansion, based on the current sugarcane distribution and landscape constraint factors (such as topography, land-use, soil type, available infrastructure, etc), as well as in compliance with the environmental legislation. Such approach yielded a potential expansion area sixfold the area already in use, in harmony with the environment and without compromising other agricultural crops.

Keywords: Sugarcane. Ethanol. Territorial ordainment. Cerrado biome.

 

Resumen

Varios países en el mundo actualmente están en busca de una combinación energética más sostenible. Los biocombustibles han surgido como una alternativa importante, especialmente el etanol fabricado a partir de la caña de azúcar, debido a su mayor productividad. De esta forma, em consecuencia de la creciente demanda de etanol de caña de azúcar en Brasil y em el mundo, la expansión de este cultivo ha sido inevitable con el bioma Cerrado previsto para convertirse en el mayor productor de etanol a partir de caña de azúcar. Asuminendo que la caña preferencialmente se expandirá em áreas ocupadas por plantaciones de forraje, tanto por razones económicas como ambientales, en este trabajo se presenta un plan para la expansión de la caña de azúcar en el bioma Cerrado, el mismo que fue desarrollado utilizando técnicas de análisis espacial y geoprocesamiento, considerando la distribución actual de la caña de azúcar, sus condicionantes en el paisaje (relieve, uso de la tierra, tipo de suelo, la infraestructura existente) y la legislación ambiental. Como resultado, se obtuvo un escenario donde la expansión potencial corresponde a 5,7 veces la superficie existente, obedeciendo a la legislación ambiental y sin comprometer otras culturas.

Palabrasclave: caña de azúcar, etanol, uso de la tierra, bioma Cerrado.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
20-03-2014
Como Citar
Ribeiro, N., Ferreira, L., & Ferreira, N. (2014). Padrões e impactos ambientais da expansão atual do cultivo da cana-de-açúcar: uma proposta para o seu ordenamento no bioma Cerrado - DOI 10.5216/ag.v9i2.28770. Ateliê Geográfico, 9(2), 99-113. https://doi.org/10.5216/ag.v9i2.28770
Seção
Artigos