Círio de Nazaré em Belém-PA: dimensão ribeirinha, expansão territorial e importância para o turismo na Amazônia - DOI 10.5216/ag.v8i3.28265

Autores

  • Débora Rodrigues de Oliveira Serra UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ
  • Maria Goretti da Costa Tavares Universidade Federal do Pará

DOI:

https://doi.org/10.5216/ag.v8i3.28265

Resumo

Resumo

O presente artigo aborda a espacialidade do Círio de Nazaré em Belém-PA, metrópole da região amazônica. Utilizou-se como metodologia o levantamento bibliográfico referente a esta festividade, buscando a análise da dimensão ribeirinha desde as suas origens até a sua expansão para a Região Metropolitana de Belém, bem como a relação com a atividade turística.

Palavras-chave: Círio de Nazaré, dimensão ribeirinha, expansão territorial, turismo.

 

Abstract

This article discusses the spatiality of the Cirio de Nazare Procession, in Belem city, Para, a metropolitan area of the Amazon region. It was used as methodology the literature review on this holy festivity with an analysis of its riverside dimension with regards to its origins and to its expansion to the metropolitan region of Belem, as well as its relation to tourism activity.

Keywords: Círio de Nazaré procession, riverside dimension, territorial expansion, tourism.

 

Résumé

Cet article s'occupe de la spatialité de Cirio de Nazaré à Belém-PA métropole de la région amazonienne. A pris comme méthodologie la bibliographie concernant à cette fête en cherchant analyser  la dimension au bord de la rivière dès ses origines jusqu'à son expansion dans la région métropolitaine de Belém, ainsi que sa relation avec le tourisme.

Mots-clés: Cirio de Nazaré, dimension de la rivière, expansion territoriale, tourisme.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2014-03-14

Como Citar

SERRA, D. R. de O.; TAVARES, M. G. da C. Círio de Nazaré em Belém-PA: dimensão ribeirinha, expansão territorial e importância para o turismo na Amazônia - DOI 10.5216/ag.v8i3.28265. Ateliê Geográfico, Goiânia, v. 8, n. 3, p. 173–197, 2014. DOI: 10.5216/ag.v8i3.28265. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/atelie/article/view/28265. Acesso em: 30 jun. 2022.

Edição

Seção

Artigos