Questões curriculares e a possibilidade de sua discussão em cineclubes com professores: a questão religiosa na escola pública

  • Nilda Alves (UERJ, Brasil) UERJ, Brasil
  • Erika Arantes (UERJ, Brasil) UERJ, Brasil
  • Alessandra Nunes Caldas (UERJ, Brasil) UERJ, Brasil
  • Rebeca Silva Rosa (UERJ, Brasil) UERJ, Brasil
  • Isabel Machado (UERJ, Brasil)

Resumo

Dentro da pesquisa “Redes educativas, fluxos culturais e trabalho docente – o caso do cinema, suas imagens e sons”, com financiamento do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e tecnológico (CNPq), da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (FAPERJ) e da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), temos buscado compreender, através do uso de filmes, em cineclubes com professores em formação e em serviço, os ‘mundos culturais’ pelos quais esses praticantespensantes circulam, nas redes educativas que formam e nas quais se formam. A ideia é que esses processos de contatos múltiplos com imagens e sons trazem contribuições importantes aos currículos desenvolvidos nos cotidianos escolares. Neste artigo, detectamos e expomos os modos como adesões religiosas estão nesses ‘mundos culturais’ de formas variadas, muitas delas discriminadoras de alguns, e os modos como alguns desses praticantespensantes buscam contatos respeitosos com outros, nesses espaçostempos. Defendemos a importância dessas ‘conversas’, no ambiente escolar e no momento presente, na tentativa de superar ações discriminatórias diversas que vêm se tornando frequentes.

Palavras-chave: Redes educativas, mundos culturais, imagens e sons

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Isabel Machado (UERJ, Brasil)
UERJ, Brasil
Publicado
08-09-2016
Como Citar
Alves (UERJ, Brasil), N., Arantes (UERJ, Brasil), E., Nunes Caldas (UERJ, Brasil), A., Silva Rosa (UERJ, Brasil), R., & Machado (UERJ, Brasil), I. (2016). Questões curriculares e a possibilidade de sua discussão em cineclubes com professores: a questão religiosa na escola pública. Visualidades, 14(1). https://doi.org/10.5216/vis.v14i1.43169
Seção
Dossiê Encontros com imagens, pesquisa e educação