A modernidade da História nas raízes do humanismo DOI10.5216/o.v5i1.9286

Autores

  • Luíz André Nepomuceno

DOI:

https://doi.org/10.5216/o.v5i1.9286

Resumo

Gostaria de propor uma investigação sobre o nascedouro moderno dos interesses pela História justamente nas raízes do primeiro Humanismo. Está claro que, para que o homem conceda o seu lugar na História, é preciso que ele se dignifique, que ele conceda a si um papel invulnerável de agente transformador, enão apenas de agente entendedor, ou seja, o ser humano (em qualquer tempo que seja) que não concede a si o direito de intervir na concepção do universo não tem igualmente entendimento da noção de História.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luíz André Nepomuceno

Professor do Centro Universitário de Patos de Minas (UNIPAM). Doutor em Teoria Literária pela UNICAMP. O presente texto foi apresentado como conferência no II Encontro de História, da UNIPAM.

Downloads

Publicado

27-03-2010

Como Citar

Nepomuceno, L. A. (2010). A modernidade da História nas raízes do humanismo DOI10.5216/o.v5i1.9286. OPSIS, 5(1), 151–165. https://doi.org/10.5216/o.v5i1.9286