Bulgária e América Latina na época da Guerra Fria: um estudo de caso sobre as relações políticas do Bloco Soviético com os países da América Latina DOI10.5216/o.v14iespecial.30774

Autores

  • Jordan Angelov Baev Center of Military History Defense Advanced Research Institute G.S.Rakovski National Defense Academy Sofia,

DOI:

https://doi.org/10.5216/o.v14iEspecial.30774

Palavras-chave:

Guerra fria, Bloco soviético, Bulgária, América Latina

Resumo

O estudo baseia-se em arquivos do pós-guerra búlgaros e discute pela primeira vez muitos episódios ainda desconhecidos das relações búlgaras com países da América Latina na época da Guerra Fria. O estabelecimento e desenvolvimento das relações diplomáticas e políticas entre um pequeno estado balcânico como a Bulgária com a América Latina é vista como um estudo de caso da política dentro do bloco soviético, em geral, para o hemisfério ocidental dentro do modelo do confronto bipolar. O estudo consiste em quatro dos acontecimentos políticos e sociais mais significativos nos anos da Guerra Fria: Revolução Cubana, o Governo da Unidade Popular e a Revolução Sandinista na Nicarágua, que levou para o confronto armado na América Central, na última década da Guerra Fria.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jordan Angelov Baev, Center of Military History Defense Advanced Research Institute G.S.Rakovski National Defense Academy Sofia,

Professor of International History & Senior Research Fellow in Security Studies

Downloads

Publicado

16-03-2015

Como Citar

Baev, J. A. (2015). Bulgária e América Latina na época da Guerra Fria: um estudo de caso sobre as relações políticas do Bloco Soviético com os países da América Latina DOI10.5216/o.v14iespecial.30774. OPSIS, 14(Especial), 305–338. https://doi.org/10.5216/o.v14iEspecial.30774

Edição

Seção

Dossiê América Latina no contexto da Guerra Fria