Influências da Guerra Fria no discurso nacionalista argentino. O retrato dos conflictos internacionais no Semanário Nacionalista Azul y Blanco DOI10.5216/o.v14iespecial.30400

Autores

  • Maria Valeria Galvan Universidade Nacional de Sarmiento, Buenos Aires

DOI:

https://doi.org/10.5216/o.v14iEspecial.30400

Palavras-chave:

Nacionalismo, guerra fria, discurso, correspondentes, noticeabilidade

Resumo

As notícias sobre as guerras internacionais desencadeadas no marco da Guerra Fria têm sido utilizadas pela discursividade nacionalista em pós do seu programa político próprio, mais vinculado ao contexto local do que ao internacional. O semanário político dos anos cinqüenta e sessenta, Azul y Blanco, virou testemunha disso. Este, embora tenha-se concentrado principalmente na política nacional, deixou filtrar em suas páginas notícias internacionais que expunham as problemáticas mais importantes da Guerra Fria nesses anos, desde uma óptica nacionalista que ia mais longe das identidades nacionais para construir um “nós” geograficamente mais amplo. Assim, apesar da maior relevância da Revolução Cubana nas páginas da revista, a situação do bloco oriental europeu e a Guerra de Vietnã foram também importantes na secção internacional. Essas notícias eram escritas por correspondentes e editores argentinos e estrangeiros. Ambos argentinos e estrangeiros tiveram posicionamentos políticos e ideológicos que ficaram comprometidos com seus respectivos cenários locais. Assim, eles contribuíram especialmente para as transformações que atravessava o discurso nacionalista local. Nesse sentido, as redefinições ideológicas e políticas do nacionalismo argentino desses anhos nutriram-se também de aqueles olhares.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

16-03-2015

Como Citar

Galvan, M. V. (2015). Influências da Guerra Fria no discurso nacionalista argentino. O retrato dos conflictos internacionais no Semanário Nacionalista Azul y Blanco DOI10.5216/o.v14iespecial.30400. OPSIS, 14(Especial), 205–224. https://doi.org/10.5216/o.v14iEspecial.30400

Edição

Seção

Dossiê América Latina no contexto da Guerra Fria