As guerras de conquista em prol da glória de Luís XIV DOI 10.5216/o.v13i1.19980

  • Maria Izabel Barboza de Morais Oliveira Universidade Federal do Maranhão, São Luiz, MA
Palavras-chave: Luís XIV, guerras de conquista, amor à glória, França, século XVII

Resumo

Por meio da metodologia de interpretação de textos denominada de contextualismo linguístico ou radical, defendida pelo historiador inglês Quentin Skinner, que busca relacionar o texto do autor ao seu contexto histórico e intelectual para perceber quais as suas intenções, propomos demonstrar, neste artigo, que, o amor à glória levou Luís XIV a empreender inúmeras guerras de conquista na Europa, objetivando aumentar o seu poder na França e no estrangeiro. Para legitimar as suas ações, o Grande Rei lançou mão de inúmeros tratados; e, para contar com o apoio dos franceses, ele recorreu ao poder da propaganda. Através das Memórias escritas para instruir o seu filho, Luís XIV deixa claro que, ao buscar a glória, ele não pensava somente em sua autoglorificação, mas estava preocupado com a honra de sua família, em deixar aos seus sucessores um reino maior e mais seguro que o seu.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Izabel Barboza de Morais Oliveira, Universidade Federal do Maranhão, São Luiz, MA
Mestrado em História Social na UFF, doutorado em História Cultural na UnB. Professora adjunta de História Moderna no Departamento de História da Universidade Federal do Maranhão. Professora permanente do Programa de Pós-Graduação em História da mesma instituição.
Publicado
27-09-2013
Como Citar
Barboza de Morais Oliveira, M. I. (2013). As guerras de conquista em prol da glória de Luís XIV DOI 10.5216/o.v13i1.19980. OPSIS, 13(1), 222-238. https://doi.org/10.5216/o.v13i1.19980