Estabelecendo a ordem: a formação da Guarda Nacional e sua importância na manutenção da ordem interna durante a guerra com o Paraguai (1864-1870) DOI 10.5216/o.v12i2.18351

Autores

  • Aline Cordeiro Goldoni Universidade Federal do Rio de Janeiro

DOI:

https://doi.org/10.5216/o.v12i2.18351

Palavras-chave:

Guarda Nacional, Exército, Regência, ordem

Resumo

Criada em agosto de 1831, a Guarda Nacional brasileira teve como modelo principal a Garde Nationale francesa. Inicialmente, a função da Guarda Nacional brasileira era manter a ordem social, conter as revoltas populares e propiciar a sustentação do aparelho estatal, a fim de manter a integridade do Império. Criada em meio a grandes agitações políticas, logo após a abdicação de Pedro I (abril de 1831), a Guarda Nacional foi um instrumento de imensa importância no processo de apaziguamento dessas revoltas. Este artigo analisa o processo de formação da Guarda Nacional e a importância que esta teve na manutenção da ordem nas diversas províncias do Império. Assim como os pontos inerentes a sua estrutura, funcionamento e atuação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Aline Cordeiro Goldoni, Universidade Federal do Rio de Janeiro

Doutoranda do Programa de Pós Graduação em História Social (PPGHIS) da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Downloads

Publicado

20-12-2012

Como Citar

Goldoni, A. C. (2012). Estabelecendo a ordem: a formação da Guarda Nacional e sua importância na manutenção da ordem interna durante a guerra com o Paraguai (1864-1870) DOI 10.5216/o.v12i2.18351. OPSIS, 12(2), 48–71. https://doi.org/10.5216/o.v12i2.18351

Edição

Seção

Dossiê História Política do Brasil: historiografia, história e memória