Sexualidade, amor e erotismo na Roma Antiga: as representações de Vênus nas paredes de Pompeia DOI10.5216/o.v10i2.10921

Autores

  • Pérola de Paula Sanfelice Universidade Federal do Paraná

DOI:

https://doi.org/10.5216/o.v10i2.10921

Palavras-chave:

Religiosidade romana, sexualidade, pinturas parietais

Resumo

Este artigo visa debater alguns aspectos da religiosidade romana, enfatiza, sobretudo, que temas como estes não necessitam estar separados de outros assuntos da esfera humana, e que podem estar atrelados a elementos da vida cotidiana, tais como o sexo e o amor. Para tanto, evidencia-se a importância das pinturas parietais, como um interessante instrumento de análise histórica e reflexão a respeito da diversidade do passado romano.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Pérola de Paula Sanfelice, Universidade Federal do Paraná

Mestranda do programa de pós-graduação em História- UFPR, da linha de pesquisa- Intersubjetividade e Pluralidade: reflexão e sentimento na História.

Downloads

Publicado

22-02-2011

Como Citar

Sanfelice, P. de P. (2011). Sexualidade, amor e erotismo na Roma Antiga: as representações de Vênus nas paredes de Pompeia DOI10.5216/o.v10i2.10921. OPSIS, 10(2), 167–190. https://doi.org/10.5216/o.v10i2.10921