SUBSTITUIÇÃO DA FARINHA DE PEIXE POR FARINHA DE VÍSCERAS DE AVES NA ALIMENTAÇÃO DO PIAVUÇU Leporinus macrocephalus

Volnei Schwertner, Odair Diemer, Leticia Hayashi Higuchi, Sidnei Klein, Wilson Rogério Boscolo, Aldi Feiden

Resumo


O presente estudo teve como objetivo avaliar o desempenho produtivo de alevinos de piavuçu, alimentados com diferentes níveis de inclusão de farinha de vísceras de aves na substituição da farinha de peixe. O experimento foi conduzido em uma estufa localizada na Universidade Estadual do Oeste do Paraná durante um período de 45 dias. Foram utilizados 200 alevinos com comprimento inicial médio de 4,7 ± 0,37 cm e peso inicial médio de 1,407 ± 0,03 g, distribuídos em 20 tanques-redes. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado com cinco tratamentos e quatro repetições com cinco níveis de substituição de farinha de peixe por farinha de vísceras de aves (0, 25, 50, 75, 100%).  Os parâmetros avaliados foram o desempenho produtivo e a composição química dos animais. A inclusão de farinha de vísceras de aves na substituição da farinha de peixe na alimentação de alevinos de piavuçu pode ser realizada sem comprometer o desempenho zootécnico dos animais.

 

PALAVRAS-CHAVE: aquicultura; nutrição; peixe nativo.


Palavras-chave


Peixe nativo, nutrição, aquicultura.

Texto completo: PDF HTML

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

Logotipo do IBICT


Visitantes: contador de visitas