RELAÇÃO ENTRE HÁBITOS ALIMENTARES E ÍNDICE DE MASSA CORPORAL EM ESCOLARES DE INSTITUIÇÕES PÚBLICAS DO NORDESTE BRASILEIRO

Irineu de Sousa Júnior, Nanci Maria de França, Glauber Castelo Branco Silva, Cyntia Meneses de Sá Sousa, Enivaldo Pereira dos Santos

Resumo


A saúde geral dos indivíduos está ligada aos hábitos alimentares. Este estudo teve como objetivo descrever e analisar a associação entre os hábitos alimentares e o índice de massa corporal (IMC) entre escolares da cidade de Floriano, Piauí, Brasil. Trata-se de um estudo observacional com delineamento de corte transversal. A população incluiu adolescentes entre 14 e 19 anos. Realizou-se análise descritiva, análise univariada e bivariada (nível de significância de p<0,05). O índice de confiança considerado foi de 95%. Os principais resultados demonstram um baixo número de escolares (7%) que apresentam excesso de peso. Portanto, o controle do peso corporal, em virtude sua importância para a promoção da saúde, deve ser estimulado desde a idade escolar.


Palavras-chave


Hábitos Alimentares; Índice de Massa Corporal; Escolares.

Texto completo: PDF

A Revista Pensar a Prática é indexada por:
Directory of Open Access Journals
LATINDEX
LILACS
Open Access Scholarly Information System
Open Archives Harvester
Portal de Periódicos da CAPES
Sport Discus
Sport Information Resource Centre

Realização:

Logotipo do IBICT
Creative Commons License Bookmark and Share
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://www.revistas.ufg.br.

 



Visitantes: contador de visitas